X sintomas que podem indicar que seu rim está com algum problema

Sinais de mal funcionamento

Os rins são responsáveis por funções essenciais no organismo, como a filtragem do sangue e o controle dos níveis de eletrólitos. Isso sem falar de seu papel preponderante para o controle da pressão arterial e da quantidade de líquidos no corpo.

No entanto, a grande dificuldade é identificar quando os rins não estão trabalhando como deveriam. As doenças renais são tidas como silenciosas, onde realmente é difícil encontrar um sintoma aparente nas suas fases iniciais. No entanto, isso não significa que seja impossível de descobrir.

É para isso que nós vamos te ajudar. Na sequência do artigo, você vai conferir cinco sintomas que podem identificar que seu rim está com algum problema. Lembre-se que, mesmo em um estágio de insuficiência renal, o diagnóstico precoce é imprescindível para reverter o quadro. Confira a lista.

Alterações na urina

Todas as pessoas deveriam criar o hábito de observar alterações na urina. Essa atitude pode fazer com que problemas nos rins possam ser identificados com maior facilidade.

Essas alterações podem se manifestar de muitas formas. Uma urina espumosa ou com bolhas, por exemplo, pode indicar doença dos rins. A mesma observação também vale para o caso de o xixi sair com uma cor mais escura e odor fétido ou também a partir da presença de sangue. É importante lembrar que esses sintomas não são necessariamente exclusivos de problemas renais, mas também podem evidenciar outras doenças.

Por fim, doenças renais também podem se manifestar a partir de mais idas ao banheiro, especialmente no período da noite.

Inchaços

Entre as atribuições dos rins está o controle de líquidos e de sódio no organismo. Quando eles não estão funcionando corretamente, há um acúmulo de água, o que provoca a formação de inchaços ou edemas.

Esses inchaços costumam aparecer com maior frequência nos pés e nos tornozelos, mas também podem surgir até mesmo nos braços e no rosto. Ademais, é importante lembrar que os edemas também são formados a partir da perda de proteínas na urina, condição conhecida como síndrome nefrótica.

Cansaço excessivo

A fadiga crônica na insuficiência renal ocorre pela diminuição do hormônio eritropoietina, que estimula a produção de glóbulos vermelhos. Isto gera um quadro de anemia e, consequentemente, faz com que a mente e o corpo se sintam cansados numa velocidade maior.

O cansaço excessivo é percebido principalmente para os pacientes com quadro de insuficiência renal crônica. Vale lembrar que a fadiga também pode ser provocada por outras razões, como a retenção de água nos pulmões.

Enjoos, náuseas e vômitos

Esses sintomas são causados especialmente pela retenção de ureia no sangue, mas também pelo aumento da acidez, condição conhecida como acidose. São consequências mais presentes em quem já está numa fase avançada de uma determinada doença renal.

Gosto metálico na boca

Na insuficiência renal, o acúmulo de toxinas no sangue faz com que o paciente conviva com um sabor metálico na boca, o que provoca mau hálito e a perda de apetite.

Ao apresentar este ou qualquer outro sintoma mencionado, não hesite em procurar um nefrologista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
%d blogueiros gostam disto: