Vitamina D

Anos após a descoberta de que se trata de um hormônio, a vitamina D continua sendo denominada como uma vitamina. Vitamina ou hormônio, o fato é que está mais do que comprovado que ela é indispensável ao nosso organismo. Além de ser essencial ao sistema imunológico e ao tecido ósseo, a Vitamina D também é muito importante para a saúde do nosso rim. Benefícios da Vitamina D para os rins Segundo estudo feito pelo Laboratório de Investigação Médica (LIM/12), da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, a Vitamina D auxilia na função renal e na recuperação de lesões no órgão e a ausência dela é extremamente prejudicial. Rildo Aparecido Volpini, biólogo e pesquisador do LIM, ressaltou que a lesão por evento isquêmico, causado pela obstrução temporária do fluxo sanguíneo para o rim, é uma das principais causas de injúria renal. Nesse sentido, a Vitamina D atua tanto na prevenção das lesões quanto na regeneração do órgão. Por que o cuidado com os rins é tão importante? Os rins possuem muitas funções importantes para o funcionamento do nosso organismo, mas as três principais são: Eliminação de creatina, ureia, ácido úrico e outros dejetos ou toxinas resultantes do processo metabólico; Eliminação do excesso de água, eletrólitos e sais, controla o fluxo hídrico do organismo e previne o surgimento de edemas, além de regular a pressão arterial; Produz hormônios como a Vitamina D, que absorve o cálcio para fortalecer os ossos; a eritropoetina, que auxilia a produção dos glóbulos vermelhos; e a renina, responsável pelo controle da pressão arterial. Geralmente, as doenças que acometem os rins agem de forma silenciosa. No entanto, pressão alta, presença de sangue na urina, pele pálida e inchaço nas pernas e pés podem ser sinais de problemas. Com o avanço das enfermidades renais, outros sintomas se tornam notórios, como cãibras, coceira, náuseas, vômito, perda do apetite, perda ou excesso de sono, perda de memória, dificuldade de concentração e/ou tremores no corpo. É indispensável manter os exames em dia e, caso haja suspeita ou diagnóstico de problemas nos rins, o nefrologista deve ser procurado com urgência. Algumas medidas que podem ser tomadas para cuidar da saúde dos rins são: Diminuir ou evitar o consumo excessivo de sal; Praticar exercícios físicos; Beber bastante água; Evitar o hábito de se automedicar; Fazer exames de sangue e urina periodicamente. Alimentos ricos em vitamina D A exposição ao sol estimula a produção de até 90% da Vitamina D da qual o nosso organismo necessita, mas alguns alimentos são muito ricos dessa vitamina, como fígado de galinha, ovo cozido, salmão cozido, ostras cruas, óleo de fígado de bacalhau e leite Ninho. Também é possível encontrar a vitamina D em forma de suplementos. Conforme visto, a Vitamina D é uma importante aliada do nosso rim. Ela também é responsável por manter o cálcio do sangue em quantidades adequadas, absorvendo o excesso e regulando o metabolismo ósseo e, ainda, protegendo o sistema imunológico. Por isso, mantenha o consumo de Vitamina D dentro dos níveis recomendados e se exponha ao sol pelo menos 15 minutos por dia. Esses cuidados podem evitar lesões nos rins e o surgimento de danos irreversíveis ao órgão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
%d blogueiros gostam disto: