X coisas que você precisa saber sobre transplante rena

De todos os órgãos do corpo, os rins são os que menos recebem atenção das pessoas. Porém, trata-se de uma parte fundamental do corpo. Através dos rins, a filtragem dos resíduos é realizada. Porém, quando esse órgão para de funcionar, um transplante renal é necessário. Mas existem algumas coisas que você deve saber sobre o transplante renal.

1 – Quais são os tipos de doadores de rins?

Os rins podem vir de diferentes tipos de doadores. Entre as pessoas que podem fazer a doação podemos destacar:

  • Um parente de sangue, de preferência a linhagem direta (pais, filhos, irmão). Como têm a mesma carga genética, essas pessoas possuem mais chances de ter o órgão compatível. Porém, caso tenha alguma doença grave, essa pessoa é descartada automaticamente.
  • Um doador morto. No entanto, a causa da morte não pode ser uma doença renal e a pessoa deve expressar o desejo de ser um doador de órgãos.
  • Uma pessoa sem parentesco com o paciente. É a opção menos comum, mas ainda assim usada quando não há outro tipo de fonte.

Mas uma coisa que deve ficar clara é que mesmo com uma longa lista de doadores, nem sempre a compatibilidade é garantida. Isso sem falar que, em alguns países, a doação de órgãos nem sempre é comum.

2 – Qual o procedimento para quem recebe um rim transplantado?

O transplante de rins é um procedimento complexo, que exige atenção em cada etapa. Funciona basicamente da seguinte maneira:

  • O paciente recebe anestesia geral e em seguida o cirurgião faz um corte na área abdominal inferior.
  • O rim saudável é colocado dentro do abdômen inferior. A veia e a artéria são conectadas aos da pelve do paciente.
  • O cirurgião conecta a ureter à bexiga. Depois disso, o médico verifica se o sangue está circulando através do novo rim. Isso sem falar na urina, que deve ser produzida da mesma maneira que a de uma pessoa saudável.

Obrigado por avaliar o texto. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
%d blogueiros gostam disto: