Os riscos de consumir muito açúcar

Onde está presente o açúcar?

doces

O açúcar faz parte da nossa culinária, essa especiaria é usada para dar sabor à comida e é usada em doces, bolos e outras sobremesas. Ele está presente também em frutas e até pães e na massa em geral. Mas será que faz bem para a sua saúde?

O que é o açúcar, quais os tipos podem ser consumidos e quais devem ser evitados

 

  1. Açúcar refinado e o cristal – O açúcar refinado ao contrário do que muitos pensam não é um produto natural e sim industrializado. Este produto é resultado de um método que refina o caldo da cana de açúcar.

 Nesse processo ele acaba perdendo 90% dos seus nutrientes, e tem alta concentração calórica, o que torna prejudicial para a sua saúde, podendo ser uma porta de entrada para várias doenças.

  1. Açúcar mascavo – esta é uma boa opção para substituir o açúcar refinado, é mais saudável para o consumo e contém vários nutrientes. Ele possui altas concentrações de cálcio e ferro, mas deve ser usado com moderação porque além de adoçar menos, é altamente calórico.
  1. Açúcar demerara e orgânico – Ele passa por leve refinamento, mas mantém as mesmas propriedades do açúcar mascavo, sendo também ideal para o consumo com moderação.
  1. Melaço da cana de açúcar – Este na forma líquida contém boas fontes de ferro, selênio, cálcio, manganês e o cobre, é bom para quem tem baixa imunidade e anemia, pois auxilia evitando o excesso de coagulação no sangue e gera muita energia para os músculos.
  1. Mel de abelha – o mel de abelha é extraído de flores e plantas e é ótimo para o consumo, mas deve se ter cuidado e usar com moderação, pois o uso excessivo também pode facilitar o aparecimento de doenças como a diabetes e a obesidade.
  1. Calda de agave – a calda de agave é retirada de um cacto. Ela é parecida com mel de abelha, só que com algumas diferenças significativas. O mel é 50% feito de glicose, 50% de frutose, já a calda de agave tem 80% só de frutose.

O agave também possui uma carga glicêmica menor do que a do mel de abelha e a do açúcar. Isso significa que age bem lentamente na corrente sanguínea, demorando mais tempo para se transformar em gordura.

O mel, o melaço de cana e calda de agave, podem ser usados para substituir o açúcar industrializado e o adoçante químico. Há exceções é claro, para quem tem diabetes ou está de dieta e, portanto, deve ser consumido com moderação ou eliminar de vez da sua alimentação.

  1. Adoçantes – É uma substância química que adoça, mas contêm menos calorias, seu uso é para substituir o açúcar Por sua vez como é um produto químico também pode ser prejudicial á saúde se de uso em excesso. Opte por adoçantes naturais.
  1. O Açúcar presente nas frutas – As frutas contém açúcar natural e podem ser consumidas sem riscos à saúde.

 Açúcar light – Este se parece com o açúcar refinado e contém menos calorias do que o tradicional. É uma mistura de açúcar refinado e adoçante.

Quais os riscos do consumo excessivo de açúcar para a sua saúde

O excesso de açúcar pode trazer várias doenças incluindo diabetes tipo 2, obesidade , entupimento das artérias e câncer, sendo que estas podem ser evitadas tirando o consumo do açúcar da sua alimentação.

Como são desencadeados esses tipos de doenças

 O consumo excessivo de açúcar ingerido é transformado em gordura e estocado, gerando a possibilidades de apresentar novos quadros de doenças e obesidade.

  • Diabetes – Conforme é ingerido, ocorre um aumento do nível de açúcar no sangue (glicemia); e assim, o organismo libera insulina (hormônio responsável por introduzir glicose dentro das células).
  • O pâncreas é o órgão responsável pela produção de insulina, às vezes pode ocorrer um excesso dessa substancia no órgão, podendo ocasionar insuficiência ou falência do pâncreas, ocasionando o desenvolvimento do diabetes tipo 2.

Outra coisa o corpo também pode ter resistência à insulina causando diabetes e o aumento de peso, com o consumo excessivo de açúcar.

  • Câncer – Os estudos também apontam que a ingestão de em excesso de açúcar pode facilitar o desenvolvimento de câncer por vários fatores.
  • A predisposição à obesidade e diabetes, são fatores de risco para o câncer. Além de fragilizar o sistema imunológico, assim o corpo fica mais susceptível ao aparecimento de câncer e outras doenças
  • As crianças também devem evitar o uso de açúcar, porque uma vez que foi consumido, ele pode alterar os níveis sanguíneos dos minerais (como o cálcio, que é essencial para o fortalecimento dos ossos). Os baixos níveis sanguíneos de cálcio fragilizam os ossos e prejudicam o desenvolvimento da criança e até causando o surgimento de doenças.

Qual a quantidade de açucares deve ser consumida por dia

Em recentes pesquisas a (OMS) Organização Mundial da Saúde aconselha que ele responda por 10% da ingestão total de calorias diárias. Ou seja, o ideal é consumir apenas 4 colheres de açúcar por dia.

Uma pessoa deve ingerir de 45% a 65% das calorias sob o formato de fibras e carboidratos complexos (batata, feijão, arroz, pães e massas em geral), 10% de açúcares livres (refrigerantes, sucos industrializados, doces e sobremesas), de 10% a 15% de proteínas totais (Soja, leites, queijos, derivados e carnes) e de 15% a 30% de gorduras. Produtos diet é livre de açúcar, enquanto que os produtos light oferecem quantidade bem reduzida de calorias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
%d blogueiros gostam disto: